Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Ariano Suassuna reúne multidão na Estação Ciência e recebe a medalha "Ministro José Américo de Almeida"


Foi uma noite gloriosa, a noite de Ariano Suassuna, o filho da Paraíba que um dia saiu daqui fugido, teve o pai morto pelos perseguidores de 30 e agora chegou consagrado, abraçado e aplaudido pelos seus  conterrâneos. Aconteceu na Estação Ciência, na noite desta quinta-feira. Ariano recebeu a medalha "Procurador José Américo de Almeida", outorgada pela Procuradoria Geral do Estado e falou sobre Augusto dos Anjos para uma platéia de moços e velhos, meninos e rapazes, gente de todas as idades, todos ávidos por ouvi-lo e com ele aprender. Aqui na foto, Ariano exibe a medalha entregue pelo Procurador Geral do Estado, Gilberto Carneiro e pelo escriba que vos fala, o Tião Bonitão, sob as palmas do presidente da Academia Paraibana de Letras, Professor Damião Ramos Cavalcanti. Nas fotos abaixo, mais detalhes da festa, nas fotos do mágico da fotografia Antonio David Diniz:




Tião Lucena

Nenhum comentário:

Postar um comentário