Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Abílio cai em campo para filiar Ney Suassuna no PTB e garantir vaga na chapa majoritária de Ricardo

Para ver atendido a reivindicação de participar na chapa majoritária, o presidente do PTB paraibano, Armando Abílio, teria uma missão: convencer o ex-senador Ney Suassuna, do PMDB, a filiar-se ao partido a fim de que pudesse pavimentar uma candidatura ao Senado Federal nas eleições de 2010.

O ex-senador Ney Suassuna já admitiu a possibilidade de deixar o PMDB, caso não encontre espaço para discutir um projeto de eleição para 2010. O PTB tem reforçado a filiação de lideranças políticas para reforçar o quadro partidário. Na semana passada, Abílio dirigiu convite ao deputado federal Wilson Braga, que declinou, apesar de sentir-se "honrado".

Segundo fontes ligadas ao PTB, a orientação teria partido do próprio prefeito Ricardo Coutinho. Que esta semana teve que estancar estremecimento na relação com o partido. Tudo porque Armando Abílio declarou que o “jogo estaria zerado” caso o PTB ficasse de fora da chapa majoritária de Ricardo.

O prefeito reconheceu a importância do PTB no projeto, mas disse que não poderia trabalhar com imposições. Ontem, o próprio Abílio amenizou as declarações e apenas reforçou o valor do PTB dentro de um projeto de disputa pelo governo do Estado.

Informações de bastidores revelam que o petebista estaria tentando evitar que a adesão de partidos ao projeto do prefeito tirasse o PTB, uma das primeiras legendas a se incorporar à aliança com o PSB, ficasse de fora.

PB Agora

Nenhum comentário:

Postar um comentário