Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sábado, 24 de julho de 2010

Vale do Piancó se destaca na produção de arroz

A região do Vale do Piancó nos últimos anos vem se destacando no cenário agrícola nacional devido o potencial na produção de arroz vermelho e já é considerado o maior produtor do Brasil, gerando renda para moradores de vários municípios daquela área, principalmente Piancó. A variedade é um dos principais componentes da dieta do nordestino e é conhecido na região como "arroz da terra" .

O presidente da Associação dos Pequenos Produtores de Arroz Vermelho do Vale do Piancó, que fica sediada no município de Santana dos Garrotes, José Soares Filho, informou que são 11 municípios envolvidos diretamente na produção do arroz vermelho em toda a Paraíba. "Além de Piancó e Santana dos Garrotes, as cidades de Pedra Branca, Nova Olinda, Guarabira entre outras, dão ao nosso estado a posição de maior produtor nacional de arroz vermelho".

Recentemente a Paraíba bateu um recorde nacional na produção desse cereal. Em 2009 o estado foi responsável pela produção de mais de 1 milhão de toneladasde arroz. Esse excelente resultado foi conseguido perante muito esforço e aprimoramento das técnicas de produção. "O trabalho que estamos desempenhando à frente da Associação vem surtindo um efeito muito positivo. Os produtores estão se conscientizando e pondo em prática as técnicas de produção apropriadas para o cultivo do arroz", acrescentou José Soares.

Atualmente existem mais de 400 agricultores produzindo arroz na região do Vale do Piancó, vinculados à Associação dos Pequenos Produtores de Arroz Vermelho, são 63. O cultivo do arroz vermelho se dá de forma bem simples, e barata. As plantações estão localizadas perto de margens de rios e açudes. Todo o processo, desde a preparação da terra, através da aragem com tração animal, até a colocação das sementes e posterior limpeza da área plantada, é feito pelo próprio agricultor, o que barateia os custos.

Na Paraíba são produzidas duas variações do arroz vermelho. A variedade Cack e a variedade Maranhão, essa segunda de coloração um pouco mais amarelada. A Cackse mostra mais resistente ao clima e as condições locais, por isso é a mais utilizada pelos agricultores locais.


Do Diario da Borborema/com catingueiraonline.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário