Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quinta-feira, 1 de julho de 2010

RC: “Vamos dar um salto na forma de administrar esse Estado e na forma de desenvolvê-lo”

O socialista assumiu o compromisso de recuperar o caráter público da administração estadual, com o que denominou de “republicanizar”

Um salto na forma de administrar a Paraíba e na forma de desenvolvê-la. Esse foi o tom do discurso de Ricardo Coutinho, lançado como do candidato ao Governo do Estado pelo PSB, PSDB, PTN, DEM, PPS, PTC, PP, PRP, PV e PDT, através da Coligação “Uma Nova Paraíba”, na tarde desta quarta-feira (10).

“Vamos dar um grande salto na forma de administrar esse Estado e na forma de desenvolvê-lo, aposentando a forma arcaica de fazer política. Uma política ultrapassada, que só sabe agir como se estivesse olhando pelo retrovisor. Esse é o grande salto que a Paraíba precisa”, disse Ricardo, durante a Convenção Estadual do PSB, realizada no Clube Cabo Branco, em João Pessoa.

Ricardo Coutinho, ao lado do candidato a Vice-governador, Rômulo Gouveia (PSDB), discursou para uma multidão de aproximadamente 15 mil pessoas, que se reuniu no ginásio e na parte externa do clube.

O socialista assumiu o compromisso de recuperar o caráter público da administração estadual, com o que denominou de “republicanizar”, o Estado. “Sou candidato para devolver a Paraíba ao povo da sua terra. Vamos dar um choque de democracia e participação popular neste Estado”, afirmou.

Ricardo agradeceu a todos os partidos e todas as pessoas que foram indicadas por suas legendas para se configurarem como candidatos a vice-governador na chapa das oposições. “Mas, hoje, quis o destino e quis Deus que o nosso candidato fosse Rômulo Gouveia, com o apoio de todos os dez partidos que nos apoiam”, declarou.

Durante o discurso, Ricardo alertou a militância e a população do Estado para a tentativa de golpes que, por ventura, podem ser realizados pelos adversários.

“A Paraíba não vai aceitar de forma alguma deixar de votar nas eleições de 2010. Essa é a regra do jogo democratioco, é essa regra que precisamos estabelecer para o ano de 2010 e para sempre. É importante que fiquemos atentos a toda manobra que tente impedir o livre direito de escolha dos paraibanos. Estou reproduzindo o sentimento de quem andou por esse estado e sabe o desejo do povo, que é o de votar”, alertou.

Da Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário