Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

RC se nega a parceria com os VLTs e ministra se irrita: "Se, está se negando agora, e não quer cumprir com a palavra é uma outra história!"

PAC reunião em Brasília
Não foi das mais felizes a participação do governador Ricardo Coutinho na reunião com os ministros Miriam Belchior (Planejamento) e Aguinaldo Ribeiro (Cidades), na tarde desta quarta (7), em Brasília, para tratar de projetos de mobilidade urbana, para o qual o Governo Federal pretende investir R$ 50 bilhões. 
... Primeiro, porque o Governo do Estado não apresentou projetos consistentes para o setor, frustando os técnicos do Governo Federal. Depois, porque o governador deixou a ministra visivelmente contrariada ao se negar a participar de parceria com os chamados VLT (Veículo Leves sobre Trilhos), projeto tocado pela CBTU.
Num determinado momento, a ministra Miriam Belhior se aborreceu e foi ostensiva: "Governador, não sei por que o senhor está se negando, porque não foi isso que nós acertamos antes. E o senhor não acertou com outra pessoa, não. O senhor acertou diretamente comigo. Se está se negando agora, e não quer cumprir com a palavra é uma outra história!".
O clima ficou pesado e, logo depois, o governador deixou a reunião, sem uma justificativa. Ficou apenas o secretário Ricardo Barbosa (do PAC), para discutir as parcerias com os ministros Aguinaldo e Miriam. No final, uma constatação ficou evidente entre os presentes: não há um só projeto do PAC tocado pelo Governo da Paraíba concluído e funcionando.
Estavam presentes à reunião, em Brasília, além dos ministros e o governador, alguns técnicos do Governo Federal, o prefeito Luciano Cartaxo, acompanhado dos secretários Ronaldo Guerra (Infraestrutura) e Ruy Leitão (PAC). No final, Cartaxo apresentou os projetos da Prefeitura de João Pessoa no valor de R$ 911 milhões que deverão se beneficiar da parceria com o Governo Federal.
No saldo da reunião, já sem a presença do governador, ficou a impressão de que RC tem se negao a integrar a parceria em torno dos VLTs, pelo fato da CBTU ser administrada na Paraíba por Lucélio Cartaxo (irmão do prefeito). (com Helder Moura)

Nenhum comentário:

Postar um comentário