Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Contagem regressiva para os prefeitos do Vale: eles terão que acabar com lixões em um ano






Por Isaías Teixeira/Folha do Vale - Contagem regressiva para os prefeitos do Vale e de todo o país acabarem com os lixões municipais e criarem aterro sanitário para a destinação correta do lixo urbano. Faltam apenas doze meses, ou seja, em agosto de 2014 todos os municípios deverão se adequar à nova Política Nacional dos Resíduos Sólidos. O não cumprimento do prazo implicará em complicações aos gestores municipais, que poderão responder por crimes ao meio ambiente e administrativos.

Mas os municípios já passaram a ser cobrados este ano, especialmente aqueles que não criaram o Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (PMGIRS) em 2012, conforme apurou a Folha (www.folhadovali.com.br).

A lei prevê que, em relação aos aterros, deve ser observado o fato de só poder ser enviado resíduos sem nenhuma reutilização. Por essa razão, os gestores municipais também terão de implantar a coleta seletiva, a compostagem e o programa de educação ambiental. A coleta deve incluir todos os bairros do município e a conscientização da sociedade sobre essa questão é fundamental e deve ocorrer a partir das escolas e campanhas públicas.

As novas regras deverão implicar em mudanças significativas na população e no poder público em sua relação com o lixo urbano: o zelo pelo meio ambiente e a preservação dos recursos naturais devem merecer atenção e atitude da sociedade e governo.

No Vale, a maioria dos municípios ainda se serve de lixões, entre os quais Itaporanga e Piancó, dois dos mais populosos e, consequentemente, maiores produtores de resíduos sólidos. A tentativa das Prefeituras regionais de formar um consórcio intermunicipal para resolver o problema do lixo ainda não passou de uma boa intenção. "A coisa está muito devagar", comentou o prefeito Tintin, que, desde o mês passado, deposita o lixo de Aguiar em um aterro sanitário particular em Piancó e foi um dos primeiros gestores da região a dar fim aos lixões. Foto: lixões estão por todos os cantos do Vale e são uma grave ameaça à natureza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário