Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Um dos maiores e melhor complexo judiciário do interior, o novo Fórum da Comarca de Piancó será inaugurado próximo dia 12.

O novo Fórum da comarca de Piancó será inaugurado no dia 12 de abril. O   prédio, denominado “Desembargador Luiz Sílvio Ramalho”, foi projetado nos moldes de um complexo judiciário e abrigará, além da sede do Fórum, um espaçoso Tribunal do Juri e três residências para os  magistrados da comarca.
A  solenidade de inauguração contará com a presença da presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti. A obra da nova unidade judiciária de Piancó é uma das primeiras  que estão sendo  entregues pela atual gestão da presidente Fátima Bezerra. Dotada de uma infraestrutura moderna que permitirá maior celeridade na prestação jurisdicional daquela região, a edificação é uma das maiores da região.
O juiz da comarca de Piancó, Carlos Gustavo Guimarães, disse que o novo complexo judiciário é uma conquista para a população de Piancó e de toda a região. “A estrutura além de proporcionar maior espaço físico também permitirá  que os servidores e funcionários prestem um melhor atendimento à população e aos operadores do direito”, declarou.
Imagem durante a construção, mostra as casas destinadas aos Juízes.
Situado no bairro Campo Novo, prédio foi construído em  terreno doado pela prefeitura municipal e atenderá os municípios de Aguiar, Catingueira, Emas,  Igaracy, e Olho D’ Água.  O Fórum leva o nome do desembargador Luiz Sílvio Ramalho, uma homenagem prestada ao magistrado pelos relevantes serviços prestados à Justiça da Paraíba.
Orçada em R$ 3.0098.660,99, a obra do novo Fórum foi executado pela  Empresa Comtérmica –  Comercial Térmica Ltda – , tendo como responsável técnico  o engenheiro Francisco José de Figueiredo Leitão. O local, com mais de cinco mil metros quadrados,  abriga o Fórum Judicial  que está pronto para atender a população de Piancó e demais cidades do Sertão paraibano. (com Gecon / J

Nenhum comentário:

Postar um comentário