Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

domingo, 14 de abril de 2013

Candidatos Maduro e Capriles votam em eleição na Venezuela

Ambos depositaram votos nas urnas em Caracas neste domingo (14).
Pesquisa aponta vantagem de 7 pontos para herdeiro político de Chávez.

Do G1, em São Paulo

À esquerda, candidato Nicolás Maduro, herdeiro político de Chávez; à direita, candidato Henrique Capriles, de oposição (Foto: Raul Arboleda/Ronaldo Schemidt/AFP)À esquerda, candidato Nicolás Maduro, herdeiro político de Chávez; à direita, candidato Henrique Capriles, de oposição (Foto: Raul Arboleda/Ronaldo Schemidt/AFP)
Os candidatos à eleição na Venezuela, Nicolás Maduro e Henrique Capriles, votaram na tarde deste domingo (14), informaram agências internacionais. O herdeiro político de Hugo Chávez, Maduro, votou em Caracas.
"Vamos Comandados quebrar recordes de Participação de nossa Democracia Mobilizada. O Soberano Decidirá o Rumo da Pátria de Bolívar", escreveu Maduro, mais cedo, em seu perfil no Twitter.
Já Capriles, que também votou em Caracas, pediu a seus eleitores que participem do processo eleitoral  "em massa", de acordo com a Reuters. "Nossa força está no processo [eleitoral] e, por essa razão, pelas pessoas que têm esperado um chamado para a 'avalanche' [de votos], especialmente os estudantes, não vamos esperar mais. Peço que vão para os centros de votação. Façam uma 'avalanche' até que as urnas estejam encerradas", disse o governador do estado de Miranda.
Madrugada
Neste domingo (14), o processo eleitoral para escolher o sucessor do ex-presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que morreu em março de um câncer, começou na madrugada, antes das 4 da manhã. Os mais de 13 mil centros de votação abriram às 6h locais (7h30 de Brasília).
Às 8h, segundo cifras do Conselho Nacional Eleitoral, 86% dos centros de votação estavam funcionando. Segundo a agência Reuters, Maduro tem vantagem na maioria das pesquisas de intenção de voto, em grande parte graças ao apoio que Chávez lhe deu antes de morrer de câncer.
Mas a diferença entre os dois candidatos diminuiu nos últimos dias de campanha, e uma das pesquisas aponta vantagem de apenas 7 pontos porcentuais para Maduro. O resultado pode ser divulgado ainda neste domingo (14).
O rival de Maduro, Capriles, afirmou que os venezuelanos estão cansados das políticas divisionistas dos chavistas e que o apoio que vem obtendo cresceu a ponto de lhe garantir uma surpreendente vitória nas urnas.
  •  
arte - venezuela candidatos - 9/4  (Foto: Arte/G1)
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário