Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

terça-feira, 15 de março de 2011

Veneziano pode lançar Diogo Cunha Lima (filho de Cássio) como sucessor em 2012

O cenário político da Paraíba pode ter a união nas próximas eleições municipais de 2012 das famílias Vital do Rêgo e Cunha Lima, o que modificaria o horizonte do poder estadual a partir de 2014. O PBAgora obteu informação do Clã Vital do Rêgo, de que o prefeito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) pode ser aliar ao ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) o que resultaria na candidatura imbatível e absoluta do jovem Diogo Cunha Lima (filho de Cássio) a prefeito de Campina Grande.
O primeiro passo teria sido um telefone trocado entre Cássio e Veneziano neste fim de semana tendo, a priori, justificativa de tratar da instalação da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) na "Rainha da Borborema". E mesmo Cássio tendo declarado na imprensa que está coeso com o projeto de reeleição de Ricardo Coutinho para 2014, fica a dúvida se não estaria prevendo uma aliança para o pleito de 2012, para trazer como sucessor do cabeludo, seu filho Diogo Cunha Lima, já que a relação com o socialista não andaria muito bem das pernas?
O fato é que, dessa maneira, o tucano descartaria a pretensão da oposição pelo forte nome da deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) como possível sucessora de Vené (PMDB). Entre ricardistas e cassistas se comenta que a ruptura de aliança entre o tucano e o socialista se dará antes mesmo da chegada do período eleitoral. Ora, se Cássio aliou-se e elegeu Ricardo Coutinho governador porque não ceder aliança à Vené?
E, ainda, diante das insatisfações dos aliados e eleitores que elegeram Ricardo Coutinho, na disputa em João Pessoa a chapa Maranhão/Lauremília seria potencial para derrotar o atual prefeito Luciano Agra (PSB).

Blog do Ricardo Pereira com PB Agora

Como vai ficar as uniões em Igaracy para 2012?

Nenhum comentário:

Postar um comentário