Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Treze vira aos 46’ do segundo tempo, se classifica e pode pegar Vasco da Gama.


O resultado do primeiro jogo ia se repetindo, até que os 46 minutos do segundo tempo o atacante Fabinho Cambalhota recebeu dentro da área e garantiu a classificação do Treze para a segunda fase da Copa do Brasil.

Em uma partida emocionante realizada no Estádio Presidente Vargas, o Galo da Borborema bateu o Tombense, por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (9)

Na partida de ida, realizada em Minas Gerais, os dois times empataram por 1 a 1, resultado que ia se repetindo até os acréscimos nesta quarta.

A decisão iria para os pênaltis, mas Fabinho Cambalhota colocou o Treze na segunda fase. O adversário será Vasco da Gama ou Tombense, que ficaram no 0 a 0 no primeiro jogo.

Confira o  jogo!

Como o empate sem gols beneficiava os donos da casa, o Tombense iniciou a partida em cima do Treze. Aos 12 minutos, após boa troca de passes, Gian recebeu na entrada da área e soltou a bomba, mas para fora. A torcida presente no Presidente Vargas já começava a pegar no pé do técnico Leandro Campos e o time mostrava muito nervosismo em campo.

Mais tranquilo, o Tombense administrava a posse de bola e deixava o tempo passar. Depois de um início movimentado, a partida caiu de rendimento e ficou mais concentrada do meio-campo. Quase que o Treze chegou ao empate depois de um bate e rebate dentro da área. Douglas ficou com a sobra e chutou na trave.

Pressionado pela torcida, o Treze voltou do intervalo em cima e empatou logo aos três minutos do segundo tempo. Hudson recebeu dentro da área e chutou sem chances para o goleiro. Agora, a vaga à segunda fase seria decidida nos pênaltis. No entanto, os dois times estavam em busca de mais um gol e a partida ficou bastante aberta. A resposta do Tombense veio com Gian, mas Gilson defendeu com tranquilidade.

O time mineiro viu a situação ficar ainda mais complicada aos 20 minutos, quando Joílton fez falta dura em Jaílson e foi expulso pelo árbitro. Preocupado, o técnico Rogério Lourenço tirou o atacante Rafael e colocou o zagueiro Felipe Dias. Com um a mais, o Treze quase virou com Jaílson, que acertou um bonito voleio, mas pela linha de fundo.

Aos 36 minutos, Jonatas Belusso invadiu a área e chutou forte para segura defesa de Flávio. Apesar de buscar a vitória, o Treze encontrava dificuldades para furar o bloqueio adversário e a decisão se encaminhava para os pênaltis. No entanto, aos 46 minutos, Fabinho Cambalhota bateu de virada e garantiu a classificação para o Galo da Borborema.

Fonte: Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário