Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Depois da pressão de alunos e da pressão popular, decisão de impedir vendas de lanches em frente ao Colégio é revista pela administração.



Marcha ré; depois da pressão sofrida pela administração local, que veio de comerciantes, alunos e a própria população de Igaracy, sobre a proibição da venda de lanches em frente ao Colégio Municipal Nossa Senhora dos Remédios, foi decidido voltar a atrás e liberar a venda. 

A principal revolta é que mais de 10 famílias que dependem da venda de produtos como pasteis, coxinhas, rosquinhas e picolés iriam ficar prejudicadas com a proibição e algumas já estavam pensando até em deixar Igaracy, rumo a outra cidade.

Diante dos apelos que veio por toda parte, a administração se comoveu e viu que tinha tomado uma decisão errada, voltando atrás e liberando os comerciantes para trabalharem. Aí foi festa!

Fatos como estes, mostram que quando a população não concorda com algo errado ou alguma decisão arbitrária tomada por qualquer gestão, a própria população tem força pra revogar qualquer decisão esta que seja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário