Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

MEC divulga valor do novo piso nacional de professores em R$ 1.451

O Ministério da Educação divulgou na tarde desta segunda-feira (27) que o piso salarial nacional dos professores será reajustado em 22,22% e seu valor passa a ser de R$ 1.451,00 como remuneração mínima do professor de nível médio e jornada de 40 horas semanais. A decisão é retroativa para 1º de janeiro deste ano.

Segundo o MEC, a correção reflete a variação ocorrida no valor anual mínimo por aluno definido nacionalmente no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) de 2011, em relação ao valor de 2010. O piso aplicado em 2011 foi de R$ 1.187, e em 2010, de R$ 1.024.

A aplicação do piso é obrigatória para estados e municípios de acordo com a lei federal número 11.738, de 16 de junho de 2008. Estados e municípios podem alegar não ter verba para o pagamento deste valor e, com isso, acessar recursos federais para complementar a folha de pagamento. No entanto, desde 2008, nenhum estado ou município recebeu os recursos porque, segundo o MEC, não conseguiu comprovar a falta de verbas para esse fim.

do g1

O reajuste que foi concedido pelo MEC foi exatamente o mesmo que a Câmara Municipal de Igaracy solicitou ao Senhor Prefeito em requerimento aprovado na ultima sessão. O Requerimento 001/2012 é do Vereador Lídio Carneiro, que realizou cálculos sobre o ultimo salário e fez a previsão de um aumente de 22%, exatamente o mesmo dado pelo MEC em todo país.

Mais uma vez o Legislativo da cidade de Igaracy surpreende com a eficácia de projetos e requerimento, antecipando com exatidão o índice divulgado pelo MEC.


site da Câmara

2 comentários:

  1. É pouco, mas ajuda! " nós sofre, mas nos goza"!rsrsrsrsrsrs! Deus seja com todos por ai

    ResponderExcluir
  2. o minimo que poderá ser feito por esses 'vereadores'. Isso é obrigação deles.

    Não precisa contar vitória não querido Hugo.

    Maria F

    ResponderExcluir