Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Grupo de Estudos Teoria Marxista de Igaracy se reuniu para assistir o filme “Diários de Motocicleta”



                      Na última quarta-feira, dia 13.02, o Grupo de Estudos Teoria Marxista de Igaracy se reuniu dando início às atividades do ano de 2013. Na ocasião, foi apresentado o filme “Diários de Motocicleta”, que mostra a viagem do jovem estudante de Medicina Ernesto Guevara, o Che, e seu amigo Alberto Granado pela América do Sul na década de 50.  Depois de muito planejamento, a dupla começa sua jornada, à medida que vão deixando para trás as pessoas e as paisagens conhecidas, descobrem situações de miséria e injustiça, histórias de gente que perderam o que tinham. A viagem é realizada em uma moto (a Poderosa), que acaba quebrando após algum tempo. Eles então passam a seguir viagem através de caronas e caminhadas, sempre conhecendo novos lugares. Porém, quando chegam a Machu Pichu, no Peru, a dupla passa a questionar a validade do progresso econômico da região, que privilegia apenas uma pequena parte da população. Dessa forma, hoje, Che Guevara é símbolo no mundo inteiro. Foi essa viagem, realizada junto com Alberto Granado, que germinaria no ainda estudante o sentimento de revolta contra a miséria, a desigualdade e a injustiça, tanto através do contato físico quanto pelas leituras que o acompanhavam a cada cidade aonde vinha parar.
            Com relação ao Grupo de Estudos Teoria Marxista de Igaracy, foi uma ideia do estudante de medicina e professor de física Marco Maciel (mais conhecido por Marquin de Reginaldo) e concretizado por alguns estudantes e trabalhadores de diversas áreas e categorias de nossa cidade no final do ano de 2011. Assim, O Grupo de Estudos Teoria Marxista de Igaracy é um espaço de estudo da realidade política, econômica e social da humanidade, usando como método a dialética e como filosofia o materialismo. Sendo assim, o objetivo geral do grupo é estudar os problemas vividos pelo povo, principalmente dos explorados e marginalizados pelo sistema capitalista, a partir das concepções de Karl Marx e Lenin. Especificamente, o grupo tem como objetivo compreender a sociedade igaraciense, a sua origem e evolução.
            Sobre as discussões nas reuniões, elas se dão de forma amplamente democrática, respeitando o posicionamento de cada um dos participantes. A aceitação de participar do Grupo é livre e voluntária. Portanto, é para isso que o marxismo-leninismo serve: dignificar o homem e a mulher, do campo e da cidade, para uma vida política, econômica e social ativa, onde o povo dite o que lhe diz respeito e necessidade.

Por isso criamos em Igaracy o Grupo de Estudos Teoria Marxista.

Venha e participe!!
 Por: Carlos Geam

Nenhum comentário:

Postar um comentário