Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

MINHA REVOLTA CIDADÃ E CRISTÃ.

Em visita a Igaracy no início do ano
Quero externar minha indignação, minha revolta, com relação ao descaso governamental, no que diz respeito às vítimas da seca, no sertão
paraibano.
Senhor governo do estado da Paraíba, as vitimas da seca não querem saber só de cimento, concreto, areia, etc. mas, sobretudo, de pão e água.
Cadê, governo da minha Paraíba, a presença do Estado, nesta hora de fome e sede??????????
Moro no sertão, sou testemunha ocular da fome e da sede, que impiedosamente matam milhares de paraibanos.
Afinal, seu governo, na minha Paraíba, “há 600 mil pessoas passando fome”.
Concreto, cimento, areia? O povo não come isso. O povo, sim, quer é pão e água.
Antes de cimento, concreto, cal, areia, está a barriga de milhares de sertanejos. A vida humana em primeiro lugar.
O grito dos sertanejos, vítimas de uma seca cruel, não se cala com cimento e discurso emocionante, mas com pão, água, obras estruturantes e justiça social.
Basta de tanto discurso emocionante, florido.
Aqui fica minha indignação de cidadão e cristão. Eis meu grito profético. Avante!

Padre Djacy Brasileiro.

Um comentário:

  1. Abaixo o "pão e circo", viva a justiça social! avante, abençoado! Deus seja com todos por ai.

    ResponderExcluir