Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Batalha do Mensalão: game pra ´matar´ mensaleiros é sensação na internet

 
Dizem que o brasileiro, divertido por natureza, encontra uma forma de brincar com tudo. Até com assuntos que causam indignação, como é o caso do Mensalão, por exemplo. É uma forma de aliviar  a raiva. Talvez por isso um game montado com personagens do maior julgamento da história do STF tem sido a sensação na internet.
 
Trata-se da Batalha do Mensalão, formando com os principais personagens do julgamento. No game, que se passa dentro do plenário do Supremo, o jogador é o “ministro Joaquim Barbosa”, com direito a disparar contra os mensaleiros José Dirceu, José Genoíno, Delúbio Soares e Marcos Valério para eliminá-los. Enquanto escapam dos tiros de Barbosa, os mensaleiros jogam “dinheiro” tentando comprar a rendição do ministro.
 
Vez por outra, pra dificultar o trabalho de Joaquim Barbosa, aparece na tela o ministro Ricardo Lewandovisk, revisor do processo. Ele “agarra” Joaquim Barbosa e o torna mais lento e menos perigoso aos mensaleiros. Por cima da tela, esporadicamente, é possível ver o ex-presidente Lula passar com a cara de quem “não sabe de nada”.
 
O jogo é simples, mas quem vê não resiste a tentação de dar, ao menos, uma jogadinha. E dar uns “tiros” nos mensaleiros.
 
Quer jogar? Acesse o site então clicando neste link: http://playerum.com.br/inicial/index.php/batalha-do-mensalao/?lang=pt
 
Luís Tôrres

Nenhum comentário:

Postar um comentário