Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

sexta-feira, 14 de março de 2014

Wilson Santiago deve mesmo disputar mandato de Senador e descarta conversar com RC pela vaga de vice

Wilson Santiago deve mesmo disputar mandato de Senador e descarta conversar com RC pela vaga de vice O ex-senador Wilson Santiago (PTB), presidente estadual do PTB, deve mesmo concorrer a uma vaga para o Senado, ao invés de buscar a vice-governadoria na chapa do governador Ricardo Coutinho (PSB). A informação foi repassada  pelo deputado federal e filho de Santiago, Wilson Filho (PTB). “Wilson vai para o Senado federal. Essa questão de vice nunca foi conversado”, garantiu o deputado. Wilson Filho, lembrou que  Wilson Santiago ficou em terceiro lugar na disputa para o Senado em 2010, tendo obtido mais de 800 mil votos. A definição de Santiago pode prejudicar o governador, que já garantiu a vaga do Senado ao atual vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) e teria uma força a mais com a adesão do PTB

Com o cenário político ainda em formação, Wilson Filho defende que o seu partido, o PTB, tome logo um posicionamento em relação ao apoio político à chapa que irá disputar o governo do Estado, incluindo a participação do seu pai, Wilson Santiago na disputa pelo Senado. Ele quer que o partido se reúna ainda este mês para definir o rumo que irá tomar.

Em entrevista a imprensa paraibana, o deputado, admitiu que o PTB está dividido entre o projeto de reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB) e a possível candidatura do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), visto que o deputado estadual do partido, Carlos Dunga, vai seguir com apoio à candidatura tucana.

Segundo ele, todos os candidatos ao governo estão percebendo a força que Wilson Santiago representa neste momento e que está sendo colocado como o candidato forte para disputar o Senado.

Ele destacou ainda que o PTB está vivenciando esse momento de turbulência em relação à decisão pela primeira vez na história política do partido.

“Antes, sempre estávamos defendendo e apoiando o PMDB. Agora saímos desse bloco no ano passado e desde o momento que saímos nos fortalecemos individual e vamos ter que tomar uma decisão o mais rápido possível”, explicou.

PBAgora

Nenhum comentário:

Postar um comentário