Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

terça-feira, 7 de maio de 2013

Vergonha pra classe política do Vale: reitor do IFPB desmarca audiência pública pra discutir construção do campus Itaporanga, que está na bica pra ser desviado pra outra região... assim como aconteceu com a UFCG.

E o filme pode se repetir: Itaporanga está na bica, pasmem, para perder o Campus do IFPB assim como acontecera anos atrás com o Campus da UFCG. Na realidade, Itaporanga, não. O Vale do Piancó! O que é mais uma vergonha pra classe política da região. Porém, ainda há um a luz no fim do túnel se nossas autoridades desejarem mesmo que região saia desse desprezo. A população precisa reagir e colocar vereadores e prefeitos contra a parede.
O assunto veio à tona hoje (7) quando o vereador Jacklino Porcino, presidente da Câmara Municipal de Itaporanga e também da Avevap, informou no PB Notícias que o reitor do IFPB, professor João Batista, lhe telefonou minutos antes pedindo o cancelamento da audiência pública que seria realizada nesta quinta-feira (9), na Câmara de Itaporanga, para debater o tema. "O reitor me disse que a Prefeitura de Itaporanga precisa resolver a questão de uma família, que reside no terreno destinado ao campus, urgentemente, caso contrário, o campus será desviado para outra região", revelou o vereador, surpreso e perplexo com o relato do reitor, que só quer vir à Itaporanga quando for solucionado o problema.
O caso é o seguinte: Há uma família que reside bem no meio do terreno doado para construção do campus. Família esta que trabalhava para Dr. Antônio Loureiro, vem a ser o dono da propriedade por décadas até que o Governo do Estado, na época do governador Cássio Cunha Lima, descobriu que de fato e de direito o verdadeiro proprietário da área, seis hectare de terra, e a doou à UFCG para construir ali um campus no Vale do Piancó. Na década de 1980, o terreno foi destinado para construção da sede regional do IPEP, anos depois construída no município de Piancó, como está lá até hoje. Então o terreno ficou lá até os dias atuais sem um destinação. 
O campus da UFCG não foi construído em Itaporanga porque alguns deputados federais, a exemplo de Luiz Couto, o desviou para a região do Cariri Paraibano. Com isso, o terreno voltou ao patrimônio do Estado, mas a família em questão continuou morando no local já que a lei lhe assegura direito ao usucapião. Ano passado, o terreno fora novamente doado pelo Estado, só que desta vez ao IFPB para construção de um campus na região. Numa audiência pública realizada em outubro de 2011, o reitor João Batista assegurou a realização de vestibular para este campus já em 2012. 
A escola deve ser inaugurada nos próximos dias pelo atual prefeito Audiberg Alves, mas ela não será destinada para sede temporária do IFPB. O próprio prefeito se reuniu em fevereiro passado com o reitor para tratar do assunto. A celeuma foi criada e o campus agora pode ser desviado para outra região. O deputado federal Manoel Jr. conseguiu um campus da instituição para a cidade de Pedra de Fogo e se depender dele é lá que o campus pode ser instalado. Ou seja, o problema da relocação dessa família que reside no terreno destinado ao campus de Itaporanga é conhecimento das autoridades há anos. Agora, o reitor vem com esse alerta de que se a coisa não for solucionada com urgência o Vale perde o campus.
No mínimo uma falta de vergonha da classe política da região e da própria população, que vota em deputados sem nenhum compromisso com o povo dessa região. De pronto, o vereador Jacklino Porcino, assim que terminou o PB Notícias, ligou para o prefeito Audiberg e para os demais vereadores para se reunirem e buscar uma solução. Jacklino disse que levará o caso para ser defendido pela Avevap e buscará apoio também da Amvap para que a região não perca novamente um campus universitário. A população sem dúvidas deve encampar nessa luta de defender com unhas e dentes essa questão... Chega de submissão minha gente!
O próprio IFPB tem sua responsabilidade sobre a questão porque passou esse tempo todo e agora atenta para o problema. Como querem assim, vamos fazer uma verdadeira cruzada na defesa dessa causa...
Leia também: Em audiência pública reitor do IFPB assegura implantação de cursos no 2º semestre de 2012 no campus de Itaporanga e possibilidade de criar núcleos em Conceição e Piancó
IFPB faz documentário e filma local onde serão investidos R$ 10 milhões na construção de campus em Itaporanga

Nenhum comentário:

Postar um comentário