Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Flamengo repete placar de Campina e elimina o Campinense em Minas

Roberto Dias (contra), Elias e Bismack fizeram os gols da partida

Mesmo longe do Rio de Janeiro, o Flamengo se sentiu em casa na noite desta quarta-feira e fez valer o mando de campo na partida de volta da segunda fase da Copa do Brasil. Empurrado por mais de 30 mil torcedores no estádio municipal de Juiz de Fora, em Minas Gerais, o time carioca venceu o Campinense por 2 a 1 e garantiu vaga na terceira vaga da competição. Roberto Dias (contra), Elias e Bismack fizeram os gols da partida.
Com a classificação, o Flamengo encara agora o ASA, de Alagoas, na próxima fase da competição. O primeiro duelo entre os times, porém, ainda irá demorar a se realizar, já que o torneio terá uma pausa durante a Copa das Confederações e só será retomada na primeira semana de julho.
Mesmo com a vantagem no confronto, o Flamengo não quis saber de se acomodar no início do jogo, partindo para cima desde o começo. E logo aos 4min o rubro-negro carioca abriu o placar. Léo Moura foi à linha de fundo pela direita, cruzou para a área e a defesa do Campinense facilitou. Roberto Dias tentou cortar de cabeça, mas a bola desviou em Roberto Dias e foi para o fundo das redes.
O gol aumentou a empolgação em Juiz de Fora, mas o time paraibano não quis saber de colaborar com a festa nas arquibancadas. Dois minutos depois, foi a vez da zaga carioca falhar e deixar Bismarck sozinho dentro da área. De frente para o goleiro Felipe, o atacante chutou forte e empatou a partida.
E o gol do Campinense, de fato, acabou momentaneamente com a festa no estádio Jornalista Mário Helênio. O time da Paraíba passou a se impor em campo, diminuiu o ritmo do adversário e dominou o restante do primeiro tempo. O Flamengo ainda tentou na base da disposição, mas falhou na parte técnica e não conseguiu uma nova vantagem.
Na volta para o segundo tempo, o time carioca não conseguiu devolver a empolgação ao torcedor, mas segurou o ímpeto do Campinense. Com maior posse de bola, o Flamengo voltou a mandar. O trabalho ofensivo, porém, não foi dos melhores, com muitos gols perdidos e o empate mantido durante boa parte do jogo.
Com o passar do tempo e um resultado relativamente perigoso no placar, a torcida do Flamengo ficou ainda mais apreensiva. Uma bela jogada de Elias aos 32min, porém, devolveu o clima de festa às arquibancadas.
O volante tabelou na intermediária, recebeu bom passe do atacante Paulinho, que fez sua estreia, e chutou forte dentro da área para fazer 2 a 1 no placar e sacramentar a classificação do rubro-negro carioca. O time apenas administrou a partida nos minutos finais e aguardou o apito final para celebrar a vaga na terceira fase da Copa do Brasil.

UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário