Frase

“Não troco meu “Oxente” pelo “ok” de ninguém” – Ariano Suassuna

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

População de Igaracy é obrigada a enterrar seus entes queridos às escuras, veja:



Até parece que postei a foto errada né? Mais não, essa foto foi tirada no momento do sepultamento de um jovem (que por respeito à família prefiro preservar o nome), na noite desta terça-feira (29). Um descaso, um abandono, uma verdadeira falta de respeito com a população que tem que enterrar seus entes queridos às escuras, porque no cemitério construído na ultima gestão, hoje ainda não tem se quer uma lâmpada, as ruas ainda não receberam pavimentação e o povo é obrigado a conviver com cenas como estas.

Veja:
Foto tirada na hora do sepultamento


Futura coordenadora do Curso de Medicina de Patos fala da importância deste bacharelado para o Sertão...

Em entrevista à imprensa, Drª Paula Souto Maia, designada previamente para assumir a coordenação do Curso de Medicina na cidade de Patos através das Faculdades Integradas de Patos (FIP), falou sobre a nota 4 que a faculdade recebeu no MEC em ocasião de uma vistoria técnica feita na instituição no início dessa semana. Resta agora, a publicada no Diário Oficial da União para as FIP lançarem edital do vestibular para o curso de medicina.
Para ela: "Esse resultado é fruto de um trabalho que todos nós já lutamos há bastante tempo, sempre procurando alcançar conceito máximo. Recebemos nota máxima em vários itens como infraestrutura, condições dos laboratórios, projetos de extensão, núcleo de apoio psicológico e pedagógico, etc. Então assim, as FIP já estavam preparadas para este curso, e para nós de Patos, este conceito do MEC é a concretização de um sonho que teve início há uns 10 anos atrás. A equipe da coordenação acadêmica do curso de medicina está muito contente em trazer para Patos um curso de peso como esse”, relata.
Inicialmente o Curso de Bacharelado em Medicina das FIP abrirá com 30 vagas por semestre. “Nossa intenção também é investir nos nossos professores pois queremos que todos possuam bons conceitos”, acrescenta Drª Paula. (com Patosonline)

Situação difícil: agricultor tem sua bomba d’água furtada na zona rural de Igaracy

Furto foi durante a madrugada



Por Redação da Folha – O agricultor Luiz José da Silva chegou à sua propriedade, que fica no sítio Queimadas, município de Igaracy, no começo da manhã desta quarta-feira, 30, e logo notou que sua bomba d’água Havia sido furtada, possivelmente durante a madrugada.


Apreensivo pelo furto, que lhe deu um prejuízo de 1 mil reais em um tempo  já tão difícil, além de comprometer as atividades da terra pela falta d’água, o agricultor correu até a cidade e denunciou o caso ao destacamento local, conforme apurou a Folha (www.folhadovali.com.br).


A Polícia Militar fez um relatório do caso com base nas informações da vítima, e encaminhou o documento à delegacia de Piancó. O furto de motores e bombas d’água têm sido uma constante na zona rural da região. Foto (arquivo): furtos são constantes na zona rural.

Com dois meses de salários atrasados professores de São José de Caiana decidem entrar em greve por tempo indeterminado a partir de segunda...

Os alunos da rede municipal de ensino de São José de Caiana ficarão sem aulas a partir da próxima segunda-feira (4) por tempo indeterminado. O Sindicato dos Servidores Público Municipais anunciou nesta quarta-feira (30), que todos os professores irão parar as atividades devido à falta de pagamentos que já dura dois meses. Pela lei os vencimentos dos servidores  públicos devem ser pagos até no máximo o 5º útil  do mês subsequente ao mês trabalhado.
A presidente do Sindicato, Josefa Marleide Ferreira Viana, afirmou que devido à falta de pagamento os professores são obrigados a fazer “bicos” para não passarem fome. O sindicato disse ainda que o prefeito não aceita conversar com a categoria e a desculpa que ele dá aos servidores é que a prefeitura não dispõe de dinheiro para efetuar o pagamento. “Nós já tentamos de tudo pra negociar, mas o prefeito não quer conversa com a categoria”, disse a representante da entidade. 
Além dos professores, os outros servidores da Secretaria de Educação também  recebem os salários com atraso. A paralisação dos docentes em São José de Caiana ameaça, inclusive, o término do ano letivo de 2013 de todos os estudantes municipais. Com  o impasse,  os pais, e, alunos estão bastante preocupados com  a situação. (com Ascom)
 

MPPB oferece denúncia contra 23 envolvidos na operação “Pão e Circo”. Confira!


O Ministério Público do Estado da Paraíba (MPPB) ofereceu denúncia contra 23 investigados na operação "Pão e Circo", por crime de formação de quadrilha ou bando, além de outras infrações penais.

Devido à complexidade do caso - mais de 50 relatórios técnicos foram gerados pelos órgãos de fiscalização pública.

Novas denúncias serão feitas em breve, referentes aos crimes específicos cometidos em cada um dos vários municípios onde foram constatadas fraudes na contratação de empresas para realização de eventos festivos.

A denúncia, que tem mais de 200 páginas, foi protocolada, nesta terça-feira (29), pelo Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado do MPPB (Gaeco) e pela 5ª Promotoria de Justiça Criminal de João Pessoa perante a 5ª Vara Criminal da Comarca da Capital.

De acordo com o Gaeco, verificou-se que várias empresas "fantasmas" foram criadas com o propósito específico de desviar verbas públicas e fraudar procedimentos de contratação de serviços para a realização de eventos festivos, incluindo contratos com bandas musicais, montagem de palcos, som, iluminação, comercialização de fogos de artifícios, shows pirotécnicos, alugueis de banheiros químicos e serviços de segurança. Tudo isso com o envolvimento e a participação direta de prefeitos da época, de alguns de seus familiares e de servidores públicos.

A investigação apontou também para a montagem de procedimentos licitatórios, onde os envolvidos produziam toda a documentação, no intuito de formalizar os certames. Também foi constatado superfaturamento dos objetos licitados, que os serviços contratados não foram executados e que documentos foram forjados, atestando, dentre outras coisas, a falsa exclusividade de artistas e de bandas para justificar a inexigibilidade de licitações.

A complexidade do caso levou o MPPB a desmembrar a denúncia, inicialmente responsabilizando os envolvidos no esquema pelo crime de quadrilha ou bando e outros ilícitos correlatos. A investigação contou com o apoio do Ministério Público Federal, Polícia Federal, Controladoria-Geral da União, Tribunal de Contas da União e Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

Pão e Circo

A operação "Pão e Circo", em sua primeira etapa, foi deflagrada, em junho de 2012, pelo Gaeco, pela Polícia Federal e Controladoria Geral da União para desarticular um esquema criminoso criado por empresários, funcionários públicos e prefeitos para fraudar licitações e desviar recursos municipais, estaduais e federais destinados à realização de eventos festivos, em 13 municípios da Paraíba: Mamanguape, Sapé, Solânea, Santa Rita, Itapororoca, Conde, Jacaraú, Mulungu, Boa Ventura, Capim, Cuité de Mamanguape, Alhandra e Cabedelo.

Na época, foram cumpridos 65 mandados de busca e apreensão, 28 de prisão temporária e 5 de condução coercitiva. Das 28 pessoas presas, 10 eram servidores públicos e, entre eles, estavam os então prefeitos de Alhandra, Sapé e Solânea.

O desdobramento das investigações revelou que muitos outros municípios paraibanos também foram vítimas do esquema criminoso. Estima-se que tenham sido desviados dos cofres públicos mais de R$ 50 milhões de reais. 

Fonte: Da assessoria

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Herculano Pereira poderá ser o nome do Vale do Piancó na disputa por uma cadeira na AL



O Vale do Piancó poderá ter um representante na Assembleia Legislativa da Paraíba. Após a morte do ex prefeito de Itaporanga Antônio Porcino (PPS) que também estava disposto a lutar por uma vaga, mais infelizmente faleceu no dia 02 maio deste ano vitima de um infarto, agora surge o nome do ex vereador e empresário também de Itaporanga Herculano Pereira (PTN), ele vem com a missão de representar o Vale que não hoje tem nenhuma representação e ultimamente os votos só servem para elegerem os deputados de outras regiões. Herculano disse que conta com vários apoios da região em especial em Itaporanga que é seu reduto eleitoral, onde já atuou politicamente e participou de várias lutas junto ao povo. Em conversa com a reportagem da equipe da Correio do Vale ontem (28), ele falou de um novo apoio recebido, trata-se do grupo do ex prefeito Porcino que agora é liderado por seu sobrinho Jacklino Porcino do PMDB (atual Presidente da Câmara) e seu irmão Jucelino que é lider do PPS na cidade. Tanto Herculano como Jacklino são a favor de uma união de forças em favor da região, com isso ambos vem formando um grande grupo em busca de apoios para eleger um representante legitimo do Vale do Piancó.

Com informações exclusivas de Flávio José/Foto: DiamanteOnLine

PISO NACIONAL UMA LUTA QUE DEPENDE DE CADA AGENTE DE SAÚDE

Depois que a CONACS publicou o balanço das traições e armadilhas feitas pelo Governo Dilma, resolvi tecer alguns comentários sobre a Guerra dos Agentes de Saúde x Governo do PT e seus aliados.

Ao longo de mais de 3 anos, os mais de 300 mil ACE e ACS, dormem e acordam sem que vejam a concretização do sonho de um piso salarial digno, que depende tão somente da vontade política do Governo Federal.
Um sonho que não custará muito ao Governo Brasileiro, apenas custará o esforço da Presidente Dilma, de parar e analisar, que sem os agentes de saúde, os próprios Municípios Brasileiros não serão utilizados como seus currais eleitorais.
Um dos maiores captadores de votos desse País sequer existiria, se não fosse os agentes de saúde. Refiro-me ao Programa Bolsa Família, que depende diretamente dos agentes em todos os aspectos.
Além do Bolsa Família, diversos outros programas dependem diretamente dos ACE e ACS, a exemplo do Saúde na Escola, Programa Dengue, PEMAQ-AB, etc.
As próprias equipes de Estratégia de Saúde da Família-ESF, sem os agentes comunitários de saúde não passam de corpos ambulantes, sem os seus membros inferiores.
Corpos inertes, desconectados com as comunidades e sem nenhum vínculo social, o que foi necessário e indispensável para o sucesso do Programa Saúde da Família, invejado por muitos países e desvalorizado pela Presidente Dilma.
Quando os agentes entram em greve em um determinado município brasileiro, observa-se a fundo a importância e indispensabilidade dos agentes de saúde no SUS. Sem os agentes, a equipe inteira para. Os demais servidores ficam ecoados, primeiro com a falta de habilidade de lidar com as camadas mais pobres da sociedade, segundo por que a autoridade maior do SUS e o líder comunitário está em greve.
Para o médico ou qualquer outro membro da equipe visitar um paciente na área, a presença do agente de saúde além de necessária é indispensável. Por que será? Simples. Sem esses anjos e mensageiros do SUS, as comunidades só saberiam o que é saúde pública nos leitos dos hospitais.
Antes de existir o Programa Agentes Comunitários de Saúde-PACS, predominava a saúde curativa. Hoje não, pois graças aos agentes de saúde, o Governo Federal economiza bilhões de reais por ano.
 Graças as máquinas mais baratas do Mundo, que sem sombra de dúvida, são as verdadeiras responsáveis por essa economia, o Governo Federal, cego ou a fingir-se, ainda não se deu conta, de que os agentes de saúde, de máquinas que geram economia, podem se transformar em máquinas de guerra política contra aqueles, que hoje nos dão as costas, mas amanhã precisarão do nosso apoio.
  Não me refiro apenas ao apoio do voto individual, mas o de nossos familiares e amigos, e principalmente, da nossa liderança e autoridade nas comunidades.
Cegos ou não, será que a Presidente Dilma e seus deputados e senadores já pararam pra calcular o peso de mais de 300mil cabos eleitorais, enfurecidos e organizados, com a liderança e o respeito de quase 100% da população?
Se ainda não pararam para calcular é bom que cuidem, pois 2014 está por vir, e diferente de outros pleitos, esse será um dos mais acirrados e surpreendentes combates no campo da política brasileira, que por ser tão suja e escorregadia, já passou da hora de ser limpa.
Prefeitos e vereadores são eleitos com os votos da população de seu respectivo município; deputados, senadores e governadores com os votos da população de seu respectivo estado, e a Presidente Dilma, com os votos da População Brasileira, mas todos sem exceção, dependem de nós, afinal NÃO SÃO ELEITOS COM OS VOTOS UNS DOS OUTROS.
Se algum deputado(a) acha que está enganando os agentes de seu estado, por orientação de seu partido ou por que recebeu uma solicitação da Presidente Dilma para ser contra nosso piso, está redondamente enganado(a).
Por mais que os agentes de saúde conheçam pouco               “o fazer política” que os Deputados conhecem profundamente, todos sabemos muito bem  como fazer nas nossas comunidades, a política destrutiva contra aqueles que deixaram cair as suas máscaras.
A CONACS já fez muito pós todos nós. Não digo que fracassou, mas afirmo: “baixou a guarda pra o Governo, quando deveria ter usado os mais de 300mil agentes como escudo, por todos os motivos e fundamentos acima”.
Para as próximas batalhas contra o Governo da Presidente Dilma já temos informações importantíssimas, são elas:
Temos a contabilidade do quantitativo de deputados declarados inimigos dos agentes de todo Brasil, em especial de seus respectivos estados, vejamos:
20 deputados do PT;
15 deputados do PMDB;
01 deputado do PP;
03 deputados do PROS; e
Todos os deputados que se ausentaram do Plenário dia 23/10/2013.

Com essas informações, cabe agora identificarmos nominalmente cada um desses traidores, e de forma organizada, fazermos um bombardeio nas redes sociais, blogs e jornais, até que os traidores dos ACE e ACS tomem conhecimento e possam voltar atrás, pois eles não são eleitos com voto de Dilma.
Essa não é hora de criticar as lideranças nacionais, estaduais e nem municipais, é a hora de se unir contra aqueles que de fato estão contra o ACE e ACS.
 Esse espirito de luta precisa tomar conta dos agentes de todo Brasil, para que com essa força e união, possamos atacar localmente o partido político e o deputado(a) inimigo do agente.

Cosmo Mariz

TCE vira a mesa e aprova gastança na Granja, pode gastar quando quiser...


TCE gastança
Gastança na granjaTabela

Há quem acredite em Papai Noel. Tudo bem, o Tribunal de Contas do Estado fez muitos acreditarem que os conselheiros não seriam capazes de mudar o voto que, na semana passada, eram pela desaprovação as contas da Casa Civil, no capítulo dos gastos abusivos da Granja Santana. Afinal, aquele escândalo virou manchete nacional.
gastança na granja
E quem assistiu à sessão da semana passada ficou imaginando, de fato, que pela primeira vez um governador teria suas contas desaprovadas, ante os atos flagrantes de abuso com o dinheiro público. Foram 17 toneladas de lagosta, camarão, carne de primeira, 460 latas de farinha láctea, berço esplêndido, papel higiênico a R$ 59,90, sabão líquido a R$ 129…
Ledo engano. Poucos se aperceberam que havia sido ousadia demais para a Corte. Só acreditando em sereia (pra citar um acepipe do mar) para imaginar que iriam desaprovar as contas do governador Ricardo Coutinho. A audácia durou apenas uma semana. A única surpresa foi o fato de dois parentes próximos do senador Cássio Cunha Lima terem puxado o cordão da mudança: Fernando Catão e Artur Cunha Lima.
E tudo ficou como dantes no quartel de Abrantes, aliás, do advogado Johnson Abrantes. De qualquer modo a votação dessas contas vai passar para a posteridade como a virada de mesa mais espetacular dos últimos tempos. Não é todo dia que um tribunal desaprova as contas pelo placar de quatro a dois numa semana, e vira na semana seguinte pelos mesmos quatro a dois.
A partir de agora, os gestores recebem um salvo conduto do TCE para realizar a mesma gastança patrocinada no Governo RC. Está liberada a compra de 17 toneladas de lagosta, camarão, carne de primeira, 460 latas de farinha láctea, berço esplêndido, papel higiênico a R$ 59,90, sabão líquido a R$ 129… Basta se eleger governador.
Espera-se que, a partir dessa decisão, a corte encaminhe uma circular aos Municípios, autorizando os senhores prefeitos realizaram feitos gastronômicos e higiênicos do mesmo quilate. Quem sabe se, dessa forma, a Paraíba toda não vai comer lagosta, camarão, carne de primeiro, peixes raros, e a população consumir o prestigiadíssimo papel higiênico de R$ 59,90, e se ensaboar a meros (ops!) R$ 129…

Helder Moura

Por unanimidade, TSE reprova contas da campanha de 2010 de Ricardo



Por “ordem do Governador”. Secretário que teve as contas reprovadas poderá ter o apoio de um grupo político aqui de Igaracy...

O secretário Executivo do PAC/PB, Ricardo Barbosa pode ter problemas na hora de registrar sua candidatura a deputado estadual, mandato que pretende disputar nas eleições proporcionais do próximo ano. Ele teve as contas da campanha de 2010 rejeitada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que manteve a decisão da Justiça da Paraíba.
Por unanimidade, o TSE desaprovou o agravo regimental interposto por Barbosa. Ele ainda poderá recorrer da decisão com um Recurso Especial junto ao Supremo Tribunal Federal. No entanto, a estratégia não deve obter êxito. Ou seja, as chances de sucesso são quase zero por causa das irregularidades contidas na prestação de contas do então candidato.
De acordo com o caso, a Justiça Eleitoral da Paraíba desaprovou as contas por constatar irregularidade insanável, consubstanciada na realização de gastos de campanha antes da abertura de conta bancária especifica e recebimento de doações sem a correspondente emissão de recibos eleitorais.
Barbosa é pré-candidato a uma vaga na Assembleia nas eleições de 2014 pelo PSB do governador Ricardo Coutinho.
Pense numa onda de azar.

Marcone Ferreira

MINHA REVOLTA CIDADÃ E CRISTÃ.

Em visita a Igaracy no início do ano
Quero externar minha indignação, minha revolta, com relação ao descaso governamental, no que diz respeito às vítimas da seca, no sertão
paraibano.
Senhor governo do estado da Paraíba, as vitimas da seca não querem saber só de cimento, concreto, areia, etc. mas, sobretudo, de pão e água.
Cadê, governo da minha Paraíba, a presença do Estado, nesta hora de fome e sede??????????
Moro no sertão, sou testemunha ocular da fome e da sede, que impiedosamente matam milhares de paraibanos.
Afinal, seu governo, na minha Paraíba, “há 600 mil pessoas passando fome”.
Concreto, cimento, areia? O povo não come isso. O povo, sim, quer é pão e água.
Antes de cimento, concreto, cal, areia, está a barriga de milhares de sertanejos. A vida humana em primeiro lugar.
O grito dos sertanejos, vítimas de uma seca cruel, não se cala com cimento e discurso emocionante, mas com pão, água, obras estruturantes e justiça social.
Basta de tanto discurso emocionante, florido.
Aqui fica minha indignação de cidadão e cristão. Eis meu grito profético. Avante!

Padre Djacy Brasileiro.

Nova prefeita de Boa Ventura tem sua primeira dor de cabeça administrativa



Por Redação da Folha A nova prefeita de Boa Ventura, Leonice Lopes (PSDC - foto), que assumiu no último dia 24, já está com sua equipe de secretariado pronta para enfrentar o desafio da governança. Ela terá pouco mais de três anos de gestão.

Nesses primeiros cinco dias, o trabalho da gestora foi, segundo pessoas ligadas a ela, inteirar-se da situação financeira do município e cuiar da nomeação do seu secretariado e auxiliares de segundo escalão, mas o grande problema inicial é o pagamento da folha de servidores do mês de outubro. A informação é que não há dinheiro em caixa suficiente para pagar ao funcionalismo este mês, e somente o repasse deste dia 30 não é suficiente, conforme apurou a Folha (www.folhadovali.com.br).

Entre seus secretários estão Inês Remígio (saúde); Sandra Regina (educação); João Oliveira (obras); Lucinere Lira (ação social); e Camila Vital (finanças).

Segunda colocada nas eleições municipais do ano passado, Leonice assumiu a  Prefeitura em face do indeferimento do registro de candidatura do prefeito Miguelzinho (PMDB) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Cadó acompanha comitiva do Governador no Vale do Piancó



O Sub Secretário de Administração da cidade de Igaracy, Antonio Cadó, acompanhou a visita do Governador Ricardo Coutinho aqui no Vale do Piancó no ultimo final de semana. Cadó participou da comitiva a convite do Presidente estadual do PSB, Edvaldo Rosas. Segundo o próprio Cadó, a cada dia a atenção do partido com ele aumenta ainda mais e claro que isso vem fortalecendo seu nome como uma das maiores lideranças do partidos em Igaracy.

O Sub Secretário ainda teve uma conversa ao pé do ouvido com RC e Edvaldo, mais o assunto não foi nos revelado.